quarta-feira, 24 de junho de 2009

DENÚNCIA A VISTA


A Procuradoria da República investiga prefeituras mineiras que teriam fraudado licitações envolvendo repasse de recursos do Ministério do Turismo para shows no interior do estado.
A matéria especial publicada nesta segunda-feira (22) pelo ESTADO DE MINAS, e pelo blog http://www.luiscarlosgusmao.blogspot.com/ denuncia que, pelo menos R$ 11 milhões em emendas do orçamento federal foram destinados para 54 municípios. A maioria dos recursos chegou aos cofres das prefeituras por indicação do deputado federal João Magalhães (PMDB), já denunciado criminalmente e por improbidade administrativa pelo Ministério Público Federal (MPF) por envolvimento com a Operação João-de-barro, da Polícia Federal (PF). O fato é que, deputados teriam agido na região, promovendo uma sequência de shows, onde os músicos recebem R$ 500,00 de apresentação, e a nota fiscal do contrato é R$ 15 mil.
Ainda, conforme o ESTADO DE MINAS, outras suspeitas a respeito do superfaturamento dos cachês, é o fato de um mesmo artista receber, pelo menos nas notas apresentadas às prefeituras, preços diferentes para tocar em festas do mesmo estilo e época do ano. Em Cachoeira do Pajeú, o cantor Robério dos Teclados se apresentou por um cachê de R$ 37 mil na Festa de São João e Forró das Viúvas, e recebeu R$ 12 mil, valor três vezes menor. A emenda foi do deputado Aracely de Paula.
O Ministério Público Federal, núcleo Montes Claros, bem que poderia pegar algumas informações de como a coisa funcionou pelos lados de Governador Valadares e fazer uma varredura das festas que tem acontecido no Norte de Minas com verba do Ministério do Turismo. No mínimo vai descobrir cartazes e outdoors de divulgação sem a logomarca do governo federal, mas com o nome do deputado federal que se diz ¨dono ¨da verba.

quinta-feira, 18 de junho de 2009

CATUTI TEM AGÊNCIA DO BRADESCO




Com a abertura da agencia de negocios do Bradesco em Catuti, além dos serviços do Banco Postal que Funciona nos Correios, a cidade passa a contar com os serviços da gerente local Larissa Ferraz. Os clientes podem fazer emprestimos e cartões, mas principalmente conta com um caixa eletronico dia e noite que, além dos sagues, o cliente verifica saldo, tira extrato e faz transferencia de valores. Segundo Larissa, que veio do interior paulista para residir em Catuti, a partir de agosto o Bradesco tera concretizado convênios com o comercio local para emprestimo para compra de material de construção, e assim participar do crescimento da cidade. Larissa comenta ainda o apoio dos comerciantes para colocação em seus estabelecimentos da maquina Visa de ler cartões onde as transações passam a contar com a possibilidade de utilização do ¨dinheiro de plástico¨, a nova realidade mundial de comercio.A primeira loja a contar com esses serviços na cidade será o comercial Barbosa, de Arlen Barbosa. Da agencia de negócios Bradesco da cidade Catuti Larissa gerenciara os terminais a serem colocados nas cidades de Pai Pedro e Mato Verde.
O deslocamento de moradores e visitantes de Mato Verde para utilizarem o caixa eletronico em Catuti é uma realidade atualmente.
O telefone da Agência de Negócios Bradesco de Catuti é (38) 3813 8230

segunda-feira, 15 de junho de 2009

VIAJANTE PRESO POR TENTATIVA DE SUBORNO - Ofereceu quase 1700 reais para liberar veículo e foi parar na cadeia.

Quando circulava na MGT 122 no domingo (14), no trecho entre Mato Verde e Monte Azul, o viajante Ricardo Souza Baldoino foi parado pela Polícia Rodoviária Militar e apresentou seus documentos particulares e somente o Certificado de Registro do Veículo- CRV, ou seja, o ¨Recibo¨ do veículo Astra, cor prata, ano 2001. O motorista argumentou que tinha comprado o carro em São Paulo e por isso tinha somente o recibo, e que tinha transportado o mesmo até Mato Verde em cima de um caminhão e faria o percurso até Caetité na Bahia, local de residência dos seus pais, rodando em seu carro. O veículo foi apreendido pela Policia Rodoviária Estadual e entregue na delegacia de policia de Monte Azul.
Após entregar o Astra na delegacia, Ricardo pediu permissão para retirar o som e o auto falante, no que foi consentido, pois somente o veículo estava apreendido. Enquanto retirava o equipamento do carro, sob vigilância do detetive Dalson Souza Cruz, o mesmo perguntou ao policial civil se não tinha ¨ conversa ¨. Quando Dalson perguntou, ¨ Que tipo de conversa ¨ Ricardo tirou do bolso um cheque no valor de 1.594 reais do Banco do Brasil de Itapecerica e ofereceu ao agente. Dalson pegou o cheque, fingindo aceitar, e telefonou para o delegado Dr. Bruno que solicitou a Dalton que enquanto o esperava chegar providenciasse duas testemunhas do fato. Diante as testemunhas Ricardo ofereceu mais 100 reais, sendo duas notas de cinqüenta reais.
Diante o delegado o viajante reconheceu o suborno e disse estar com pressa para continuar seu caminho. Ao se vistoriar o veiculo a PC descobriu em seu interior um ¨pino¨que serve para remarcar chassis. A policia investiga a origem do Astra.
Preso em fragrante por corrupção ativa Ricardo foi encaminhado para a cadeia pública e será indiciado pelo delito, tipificado no artigo 333 do Código Penal Brasileiro, ele poderá sofrer reclusão de dois a 12 anos e pagar multa.
- A corrupção, além de ferir a ética, causa prejuízos aos cofres do estado - declarou o delegado que elogiou a atitude do detetive Dalson.

MAIS UM FUGITIVO RECAPTURADO – Gilmar volta para a cadeia de Monte Azul.

Mais um fugitivo da cadeia pública de Monte Azul, dos onze ganharam as ruas com a fuga em massa ocorrida dia primeiro de Janeiro.
Após a captura de Marcelo Antunes no interior paulista, desta feita o fugitivo Gilmar Santos Cardoso, 23 anos, que cumpria pena por roubo e assalto em Monte Azul, foi recapturado na cidade de Janaúba no último domingo(14) e recambiado no mesmo dia para a cadeia pública de Monte Azul.
O delegado civil da cidade,Dr. Bruno Gustavo Guarancho Salmen Hussain, espera a recaptura dos últimos dois fugitivos, Mário Junior e Tico-tico, para fechar a lista de fujões.

Veículo Recuperado




O automóvel FIAT PALIO WEEK TREKKING ano de Fabricação 2008 Ano do Modelo 2009, táxi de Janaúba, foi tomado de assalto por dois indivíduos que se fizeram passar por passageiros e renderam o motorista na estrada.
Os assaltantes tomaram na quinta-feira (11) um táxi em Montes Claros, no ponto local chamado de ¨ ponto de Pimentel ¨, no início do bairro Alto de João, por volta das 17 horas e disseram ao motorista Jose Dinorato que iriam para Janaúba. Logo que entrou um dos indivíduos disse estar passando mal, e na proximidades do posto caititu ele pediu para parar e quando o motorista obedeceu foi rendido pelos assaltante que estavam armados e em seguida amarrado na margem da rodovia MGT 212, quilometro 212.
Após se soltar Dinorato pegou ônibus transnorte para Capitão Enéas, onde lavrou boletim de ocorrência e a policia local acionou as policias das cidades ás margens da rodovia. Quando a dupla passou pela BR em Monte Azul foi avistada pela patrulha composta pelos soldados Galdino, Arlen e Anderson que empreenderam perseguição ao Palio. Ao se verem cercados pois a policia de Espinosa se encontrava no trevo de Mamonas a espera dos assaltantes, estes pararam o carro ás margens da rodovia e fugiram a pé pelo mato, logrando êxito acobertados pela escuridão da noite.
O Fiat Palio foi recuperado e com ele a carteira do taxista e encomendas que o mesmo transportava de Montes Claros para Janaúba. Veículo, carteira e encomendas foram devolvidas ao motorista na delegacia de Monte azul na manhã do dia seguinte ao roubo.

5ª Grande Festa de São João de Catuti/MG


Em 12 anos de emancipação política e administrativa o municipio de Catuti faz sua quinta grande festa de são joão.Os festejos serão na praça Bom Jesus, no centro da cidade com entrada gratuíta, como sempre. Segundo populares, desta feita a administração pública municipal conta com 200 mil reais repassados pelo deputado federal Marcio Reinaldo, o que, em expectativas, pode ser a melhor festa do genero na cidade. Alguns esperam ser essa a maior festa junina da região, vamos ver e conferir.

sexta-feira, 12 de junho de 2009

terça-feira, 9 de junho de 2009

Assalto a mão armada em Pageú.

Na segunda feira, dia oito, por volta das 9 horas da noite, Um individuo alto e magro, trajando uma blusa preta tomou de assalto o comerciante Wilian Sampaio quando o mesmo se encontrava em seu comércio na comunidade de Pageú, a 15 quilômetros de Monte azul.
Após levar a quantia de 35 reais e diversos cartões de telefone o assaltante, que estava armado com um revolver, empreendeu fuga em um gol verde com mais dois elementos que o aguardavam no veículo.
Suspeita-se que o bando é o mesmo que há poucos dias entraram no Mercadinho Bom Preço em Catuti onde praticaram assalto a mão armada. As policias da região seguem as pistas para prisão do bando.

Recapturado Marcelo, mentor da fuga em massa da cadeia pública da cidade de Monte Azul

A polícia Civil de Monte Azul, capitaneada pelo Dr. Bruno Gustavo Guarancho Salmen Hussain, em trabalho conjunto com a Polícia Civil Paulista, conseguem recapturar Marcelo Antunes que é considerado de alta periculosidade sendo o mesmo o autor mental e financiador da fuga em massa ocorrida na cadeia pública da cidade de Monte azul.
Marcelo foi preso na cidade paulista de Engenheiro Coelho, onde estava vivendo em um sitio e nos finais de semana se divertia na cidade. Com mandato de recaptura e ficha do fugitivo em mãos, a polícia o prendeu em um bar onde jogava sinuca e baralho. Segundo a PC paulista Marcelo, que deixou a barba crescer, apresentou uma carteira de identidade falsa e dizia se chamar Geraldo.

Recambiamento
Após sua prisão, Marcelo foi levado para a cadeia de Artur Nogueira e por ser, segundo a polícia, um criminoso jurado de morte pelo primeiro comando da capital, o PCC, a sua transferência esta sendo feita de modo emergencial pela polícia civil mineira. Após a comunicação do êxito das operações no estado paulista o delegado de Monte Azul, Dr. Bruno Hussain providenciou condução e, formando uma equipe com o agente penitenciário Aloísio e o detetive Dalson, viajou para Artur Nogueira para recambiar Marcelo que deve prestar depoimento sobre a fuga e ficar a disposição do judiciário para ser julgado pelo assassinato de Dego Barbosa ocorrido no dia 15 de março desse ano e tentativa de assassinato quando, durante sua fuga,atirou na policia que tentava captura-lo e a bala perdida atingiu o servidor público Juvenal Niza. video

segunda-feira, 8 de junho de 2009

Tentativa frustrada de roubo ao BB no final de semana


A policia militar foi acionada pela gerência do Banco do Brasil, agência de Monte azul, para registrar boletim de ocorrência de tentativa de roubo ocorrida nesse final de semana. Ladrões estiveram no roll de entrada da agência e tentaram arrombar dois caixas eletrônicos.
Os ladrões estiveram na agencia no sábado e com chaves de fenda abriram uma tampa frontal dos caixas, e quando perceberam que ainda haveria movimento resolveram voltar pouco antes das 22 horas, horário que as portas não mais se abririam do lado de fora, mas a tentativa frustrada somente foi percebida na manhã de segunda feira, 8 junho, pelos funcionários que perceberam que dois caixas foram violados, e que os ladrões colocaram uma fita adesiva na cor cinza, cor dos caixas eletrônicos, para fixarem as tampas arrancadas pelos mesmo durante a tentativa.
A gerência do Banco do Brasil de Monte Azul comunicou o fato a superintendência regional, mas não informaram se os larápios conseguiram roubar alguma quantia. As fitas do circuito interno de segurança continuam a serem examinadas, apesar dos autores do delito terem desviado o foco das mesmas. A tentativa de se identificar os ladrões continuara a ser feita em parceria com a polícia civil.

sexta-feira, 5 de junho de 2009

Veículo Capota em rodovia entre Espinosa e Monte azul




Citroen Xsara capota várias vezes após colidir com meio-fio na BR que liga Monte azul a Espinosa, na localidade de Dourados, município de Monte azul. Segundo viajantes que provinham da Bahia em uma Ranger nessa quinta-feira (5),com destino a Janaúba e que estavam logo atrás, viram o momento em que o veículo a sua frente pareceu perder o controle e bater no meio fio empreendendo um ¨ vôo rasante ¨ de aproximadamente 8 metros e cair ao solo dando várias piruetas em seguida, parando ao bater em um barranco.
O condutor do veículo acidentado, Marcelo Campos Silva, comerciante residente em Monte azul, proprietário do veículo importado, foi resgatado pelos baianos que prestaram socorro a vitima. A caminho da cidade Marcelo solicitou para que passarem em sua residência e, descendo do carro dos que lhe auxiliavam, se recusou a prosseguir até a unidade hospitalar local, deitando em um colchão no chão de sua casa. Preocupados com a vitima que tinha um corte na cabeça e nos braços os baianos procuraram a delegacia local que estiram na residência de Marcelo e o conduziram até o hospital. Marcelo, sentindo dores fortes na coluna, na altura do pescoço, foi medicado e ficou em observação. Segundo os que presenciaram o fato, ao circular em alta velocidade pela rodovia, Marcelo foi salvo graças ao airbag, também conhecido por bolsa de ar ou almofada de ar, que é um componente de segurança de seu carro.

Suborno a agente penitenciário foi a causa da fuga em massa de presidiários em Monte Azul.


A Polícia Militar de Monte Azul, que conseguiu retornar ás celas 9 dos 11 presos que fugiram da cadeia pública no dia primeiro de Abril pela madrugada descobre, depois de investigações da Polícia Civil, que não houve resgate.O agente penitenciário Amarildo Pereira Mendes, que guardava a cadeia naquela noite abriu a cela para detento que tomou aquele presídio.
A versão de Amarildo à polícia na época dos fatos foi que, por volta de 01h00 da manhã dois indivíduos armados e sem mascaras, capuzes ou qualquer outra forma de ocultação dos rostos o renderam durante seu plantão e libertaram onze presos da cadeia. Circulou Informações dando indicios de encomenda de resgate de preso realizada pela facção criminosa Primeiro Comando da capital - PCC paulista - de dois dos presos com soltura dos outros colegas de cela.Na versão de Amarildo ele teria sido rendido sob mira de armas pesadas e trancado em uma cela com uma detenta, e que os bandidos em fuga teriam levado sua moto.
A fuga mobilizou cerca de 50 policiais e 10 viaturas, sob comando do Tenente Nadson e foi efetuado um cerco com bloqueio na região com auxilio do helicóptero da policia que cobriram as áreas urbanas e rurais das cidades de Monte Azul, Espinosa e Mato Verde em busca dos presos resultando a operação na recaptura de três dos onze fugitivos e na seguencia mais outros 6 foram recapturados.
Durante a apuração dos fatos a polícia civil, ouvindo os presos recapturados e principalmente a detenta que foi trancada pelos bandidos em fuga junto a Amarildo, descobriu ter o agente rasgado notas de reais, no total de 150, na presença da mesma durante as poucas horas que estavam trancados e gritando por socorro. Apuraram então que os presos Mário Junior e Marcelo Antunes, que compartilhavam a mesma cela, ofereceram 250 reais ao agente, sendo 150 na hora e 100 após Amarido abrir as grades da cela deles, sob a alegação permitir que Mario Junior tivesse acesso a a detenta para praticar sexo com a presidiária trancafiada em cela próxima.
No momento que o agente penitenciário abriu a cela foi rendido por Mário e Marcelo que tomaram de súbito a cadeia. Os libertos abriram as outras celas e na oportunidade houve fuga em massa. Diante os fatos apurados, Amarildo foi recolhido dando inicio a um rápido inquérito que resultou na exclusão do agente dos quadros da Polícia. Os articuladores do plano, Mario e Marcelo, são os únicos que não foram recapturados e, segundo informações da policia civil, estão no interior de São Paulo.